domingo, 8 de novembro de 2009

Mangás Galore

Nas últimas duas semanas andei lendo uns mangás mais curtos, com história completa, de diferentes estilos. Aqui vão minhas idéias sobre eles.


Ai to Himegoto é um shoujo que conta a história de um relacionamento entre um homem e uma adolescente, que se apaixonam e vivem um namoro escondido, pois ele é seu "tio" por consideração. Achei a história inverossímel e meio estranha, já que o protagonista (que tem cerca de 25 anos) parece realmente um pervertido por se interessar por uma menina de 17 anos, mais pelo gráfico do mangá e situações descritas na história que pela diferença efetiva de idade dos dois.

Realmente, acabei lendo até o final simplesmente pra ver que fim ia dar a história, mas que é um mangá que chega a incomodar pelo certo tom de pedofilia, que acabou me fazendo pensar à respeito da tara japonesa por ninfetas em uniformes escolares e meninas jovens. Bom, afora esses preconceitos que eu tive, e isso é ponto de vista pessoal, o mangá é sim um Shoujo então quem quiser conferir, Ai to Himegoto está disponível, em inglês, AQUI.


Show me the Money é um manhua (versão chinesa do mangá) que achei bacana. É um shounen que segue a história de Dahasu, um garoto de família muito rica que vê o pai perder tudo e sendo preso por suas dívidas, o que o leva a perder sua casa, seu status, e até sua bolsa escolar. Dahasu acaba sendo "resgatado" por Aimei, uma garota destemida que só pensa em dinheiro, e faz de Dahasu seu assistente como forma dele pagar pelo "resgate".

O trunfo do mangá é ver Dahasu desvendando a motivação por trás de Aimei, e aprendendo a se virar, sem status nem dinheiro, numa escola e vivência novas. Esse shounen é engraçadíssimo, com humor bem adulto e enredo original. São só 11 capítulos então confira, em inglês, AQUI.

Asa mo, Hiru mo, Yoru mo é um shoujo com um pano de fundo pesado pra contar uma história de amor entre Shinobu e Yokomizo. Shinobu foi violentada por um rapaz que é muito parecido com seu colega de classe, Yokomizo, e este, que sente atração por Shinobu, não consegue entender porque ela o rejeita e sempre aparenta ter tanta ojeriza a qualquer rapaz, e em especial a ele.

Sinceramente, eu não gostei de Yokomizo, que para mim o tempo todo parece ser uma pessoa violenta, impaciente, grossa, etc. Não é nem um pouco carismático, mesmo nos momentos em que proteje Shinobu, e sabendo de seu passado, lhe dá apoio na tentativa de "curá-la". Achei o relacionamento dos dois meio doentio e estressante, não é o que eu esperava de um shoujo. O mangá está disponível, em inglês, AQUI.




3 comentários:

Diana Bitten disse...

Show me the money é bacaninha? Vou dar uma checada, mesmo não gostando de manhuas.

Agora, tem certeza que manhuá é chinês? Para mim era coreano...

Laura Schwartz disse...

O Show me the Money é legal de ler sim, é engraçado. E na informação do One manga pra Manhua diz que é chinês ou de Taiwan e regiões próximas.

Shoshoujo disse...

Você já viu Bitter Virgin? Pelo que vi, deve ter uma temática um pouco parecida com "Asa mo, Hiru mo, Yoru mo"... Talvez você goste mais..
http://shoshoujo.blogspot.com.br/2011/06/bitter-virgin.html