quarta-feira, 25 de março de 2009

Doomsday 2012 e "Knowing"

A discussão do momento nos fórums que participo e aqui em casa é sobre o novo "fim do mundo". Depois do famoso bug do milênio a moda agora pros supersticiosos é que o fim de mundo acontecerá em 21 de Dezembro de 2012.

De acordo com os "estudiosos" a data foi profetizada há milênios pelos Maias, através de seu calendário maia, que supostamente acaba abruptamente em 5.125, que corresponderia a 21/12/12. Aliado a isso está o fato científico de que em 2012 ocorrerá o alinhamento da Terra, Sol e do centro da Via Láctea, que só ocorre a cada 26 mil anos aproximadamente. Os "estudiosos" acreditam que este alinhamento provocará a mudança do eixo terrestre, com a mudança dos pólos, o que provocaria mudanças climáticas extremas, acabando com a vida na Terra. Isto tudo está ligado ao fato de que os planetas e constelações fazem uma trajetória elíptica junto com o Sol, e como a Terra gira em torno de seu eixo de forma imperfeita, a cada 2160 anos a constelação visível no equinócio de verão muda. Isto marca o fim de uma Era astrológica e começo de uma nova (no momento de Peixes, e logo a de Aquários). O resultado é que em 26 mil anos a trajetória volta a primeira constelação, completanto um giro completo do eixo terrestre.

O History Channel fez um documentário "fantabuloso" sobre o ano 2012 como fim do mundo em 2006, usando estas teorias e também profetas antigos que previram várias catástrofes e acontecimentos mundiais, dessas que estamos acostumados a ver por aí, vagas, superficiais, que podem servir pra qualquer coisas dependendo de como são interpretadas. Vi o documentário hoje. E claro que fui pesquisar se alguma coisa dita tinha fundamento.

Quanto ao calendário maia, os arqueólogo dizem que não há qualquer indício de que os Maias achavam que o mundo ia acabar, e que o calendário não indica um término do mundo, mas simplesmente que foi divido em eras, que era o fim de uma, e que se começaria a contar de novo para uma nova.

E a grande questão, o lado científico da história, a mudança de pólos, que foi até objeto de estudo de Einsten. Este alinhamento de fato ocorrerá, e a mudança de pólos pode ocorrer sim (levando os 26 mil anos pra completar uma elipse completa) MAS, o alinhamento com o Sol leva 36 anos para ser completo, por conta do diâmetro do Sol, e um dos pontos cruciais de tal alinhamento já ocorreu, em 1998, sem nenhum fenômeno ou alarde.

Com tudo isso cheguei a conclusão de que é tudo como sempre "teoria da conspiração" e programas pra assustar os já superticiosos, então, em 21 de Dezembro de 2012, estarei provavelemnte pensando na ceia do Natal.



Isso tudo veio à tona, acredito eu, por conta do filme "Knowing", com Nicholas Cage, que vi no cinema esta semana, e conta a história de um astrofísico que encontra um papel contendo previsões de desastres num período de 50 anos, alguns ainda não ocorridos. Esses assuntos de catástrofe falam muito sobre a natureza humana, que anseia e teme eventos trágicos, num misto de personalidade violenta e vítima.

O filme é muito interessante, e está bem dentro desse lance de profecias, e algo mais, que não discutirei aqui pra não estragar o filme. Pra mim, o filme é uma mistura de M. Night Shyamalan com filmes Sci-Fi, e saindo do cinema eu e Luis passamos horas discutindo nossas interpretações. Não acho que seja um filme pra todos, mas com certeza é pra trabalhar a cabeça. Recomendo.

Filme, documentário, e discussões sobre os dois foram o tema da semana pra mim, e achei que merecia ser comentado aqui também, nesse estilo brainstorming mesmo, pois não acho que é um caso preto e branco de idéias. Toda a idéia de destruição do mundo fica no meu lado agnóstico da vida. Mas que o Doomsday 2012 é balela, isso é.

3 comentários:

Diana Bitten disse...

Eu adoro essas teorias... dessa eu não tinha ouvido ainda.

Quando der vou pesquisar.

nilo disse...

Primeira vezz!
heheh!
Bem se e ou nao podemos crer ou naro crer, ms certeza so esperando rpa ver, mas de qlq forma vou viver como e o mundo fosse acabar! E curtir meus prazeres desculpa eu ja tenho!

Laura Schwartz disse...

Valeu pela visita Nilo! Com certeza, ótima desculpa pra curtir a vida! Eu não acredito nem um pouco, mas meu lado perverso fica pensando que bom se acontecesse e só um certo número de pessoas sobrevivesse!