sábado, 3 de abril de 2010

He's Dedicated to Roses


Mais um manhwa que me impressionou. Este é criação de Hwang Mi Ri e nos apresenta a Choi Ida, uma adolescente forçada a ser servente de Mimi por conta de um débito que levou seu pai a bancarrota. Seu passa vira chofer de uma família milionária, e eles passam a viver na casa de caseiro, como empregados da família. Ida frequenta a mesma escola que Mimi, onde todos a tratam como escrava mesmo, já que Mimi é super popular e todos concordam com tudo que ela faz. Ida é sempre injustiçada, pois a mimada Mimi apronta e a culpa por tudo.


Devido a essa situação desesperadora para Ida, ela acaba criando uma identidade falsa, a de Choi Yodah, um garoto durão que arruma brigas pelo bairro, recurso usado por Ida para aliviar sua tensão e ódio pela família de Mimi. Ela é boa de braço e como Yodah ela consegue se sentir livre e ter amigos. É como Yodah que ela acaba conhecendo Gang Naru, por quem se apaixona.


Eu adorei esse manhwa, que como disse, me surpreendeu, pois foge um pouco do padrão shoujo dos mangás que costumo ler. As situações são super engraçadas, com a confusão de Ida estar apaixonada por Naru, mas esse só conhecer sua versão masculina, e esse desenvolver sentimentos por Yodah sem saber que ele é na verdade Ida, uma menina, e isso criar certo pânico dele achar que é gay. A história acaba ganhando vários outros contornos e desenvolve também os personagens secundários, e tudo acaba se unindo no final, de forma muito bem amarrada. Há um equilíbrio excelente entre o tempo de "cena" dos personagens, sem deixar nenhum lado ficar cansativo. Vale muito a pena!


He's Dedicated to Roses está completo e pode ser conferido, em inglês, no One Manga.

3 comentários:

Diana Bitten disse...

Esse ai é questão de tempo para eu ler.

nefasta disse...

Já tinha lido uma sinopse sobre esse mangá... Lerei- o!

:)

Laura Schwartz disse...

Eu realmente achei ele uma graça!