sábado, 23 de janeiro de 2010

Um Amor de Detetive


Seguindo a recomendação, resolvi ler o livro "Um Amor de Detetive" da autora estreante Sarah Mason. O livro é um chick-lit bem leve e divertido que conta a história de Holly, uma jornalista desastrada e meio maluquinha de um pequeno jornal na Inglaterra, que recebe a ordem de passar 6 semanas seguindo um detetive local em seus casos, e escrevendo um diário sobre as investigações policiais. O detetive é o charmoso, rabugento e durão, James Sabine, e o relacionamento dos dois é a graça do livro, já que Holly consegue fazer tudo errado, o que leva o detetive eficiente à loucura.

O que gostei no livro foi o fato do relacionamento dos dois não ser romântico logo no princípio (nem no meio, e quase nem no final), e o charme do livro está nas trapalhadas que a protagonista se mete e nos personagens secundários, como sua mãe, que são hilários. Achei o desenrolar da história bastante sutil mas bem divertida entre as passagens de Holly pela Emergência. Não é um chick-lit de primeira linha como Bridget Jones (pra mim o melhor chick-lit já escrito) mas ainda assim é um ótimo companheiro pro fim de semana.

2 comentários:

Diana Bitten disse...

Engraçado, pois o interessante é que eu gostei justamente por ele fugir um pouco do romantismo tradicional!

Até o final não temos certeza do que ocorrerá entre eles e SE nocorrerá, melhor dizendo. E isso me deu margem para criar altas aventuras para a protagonista!

Bjokas!

Laura Schwartz disse...

Mas é isso mesmo que achei, quase torci pra eles NÃO ficarem juntos.