domingo, 20 de junho de 2010

Os homens que não Amavam as Mulheres


Este é o primeiro volume da trilogia Millenium, escrita pelo sueco Stieg Larsson. Esta trilogia explodiu nas listas de mais vendidos ano passado, e escutei muito falar deste autor, que entregou o manuscrito de seus 3 livros e faleceu antes de sua publicação. Ele era um jornalista e esses livros eram seus primeiros livros de ficção.

O primeiro volume segue a história de Mikael Blomkvist, um jornalista acusado de publicar notícias falsas à respeito de um grande homem de negócios que acaba aceitando um emprego numa cidadezinha do interior da Suécia para investigar o desaparecimento de uma adolescente de 16 anos que ocorreu em 1966. Em paralelo segue os dias de Lisbeth Salander, uma hacker que trabalha como investigadora particular para um empresa de segurança.

Eu estava com vontade de ler esse livro fazia tempo, e finalmente ele saiu em paperback (economia, por favor) então o comprei. O início do livro é bastante lento, mas se percebe um cuidado na escrita que indica de cara se tratar de um bom escritor. Os primeiros capítulos situam o leitor no momento da vida de cada personagem, suas motivações e os porquês, e isso é o motivo da história parecer avançar lentamente.

No entanto, antes que eu pudesse me entediar ou questionar muito o livro me vi envolvida numa trama de tirar o fôlego, completamente inesperada (eu não tinha lido nem a sinopse, não fazia idéia do que se tratava) e progressivamente mais séria, mais tensa, até ficar um suspense de matar! O desenvolvimento da história é brilhante e a conclusão é original e super bem amarrada. Gostei imensamente!

Só tenho uma ressalva mínima no que diz respeito a uma coisinha na última página que diz respeito a algo completamente alheio a trama central, mas que queria que tivesse sido diferente, estarei aguardando uma resolução bacana nos próximos dois volumes.

Recomendo fortemente para todos os fãs de tramas de suspense policial!

6 comentários:

Mi Müller disse...

Báh Laura também gostei desse livro, e assim como tu achei o início meio lento, as depois que engrena é uma história bem legal. Estou com o segundo emperrado, parei de ler lá pela pg. 200 achei muito lento, daqui a pouco pego ele de novo, acho que deve ser a mesma coisa, que engrena mais adiante rsrsrsrs

estrelinhas coloridas...

Newstein disse...

Olá Laura, adorei esse livro, o primeiro da série devorei em poucos dias (leio mais a noite, pois além do trabalho, tenho universidade à noite) Mas rotulei ele como um Agatha de 500 páginas, adorei imensamente.

Assim como a Mi, o segundo estou empacado pois tenho costume de ler 3 ou mais livros por vez e os que a leitura flui melhor, acabo terminando antes, vamos ver se até o final do mês finalizo.

Abraço!

Nanda disse...

Ei Laura,

A trilogia é toda assim e os outros tem muito mais ação, sou fã demais desta série :)

Não sei que coisinha vc ta falando...sobre o presente de natal q para no lixo? rs

bjooo

Diana Bitten disse...

To lendo, depois eu venho comentar.

Laura Schwartz disse...

@ Nanda - A última página mesmo, achei que ia ser diferente. É do presente de natal que para no lixo mesmo. rsrsrsr

Ana C. Nunes disse...

Comecei estes dias a ler o livro e bem, para já não me está a amarrar mas espero que isso mude me breve.
Parece que você passou por uma situação semelhante, por isso vou ler e esperar que fique melhor.